A importância dos "importantes"



Quem é importante pra você? E VIP?


Como você classificaria, hoje, essa sigla amada, temida, odiada e totalmente fora de moda?? Ou será que ainda tem seu lugar? Resta saber para quem...


Hoje, todo mundo sabe que o dinheiro mudou de mãos. Não é mais a sociedade tradicional que carrega esse título apenas... Tem-se que ¨engolir¨ muita gente que hoje é considerada VIP...


Mas quem pode classificar e dar esse "título" a alguém? Quem é mais importante do que o VIP, claro... Mas daí vem a pergunta que não quer calar...quem é esse ¨importante¨??


Eu sou importante pra muita gente e para outras, não... Como todo mundo...


Assim, como se define a moda, o perfil estético aceitável, e etc, se definem os Vips.


São muitos que adoram ser considerados VIPs e por isso se acham no direito a ter mordomias e vivem como se merecessem estar mais confortáveis que as outras pessoas. Na verdade, elas que são as que incomodam quem paga, quem realmente está lá por prazer e vontade.


Ser VIP é ter que estar num lugar disputado, desejado e muito elegante para manter o "título"...


O retorno nem precisa ser dado, pois não é levado em conta sua pessoa, na verdade, apenas o personagem que ele está "vendendo".


Ser VIP não é a "doença da sociedade" mas sim, um objeto de satisfação pra quem realmente se é.


Importante hoje é ter VIPs na festa, ser VIP... Aliás, isso é que é importante? Quando foi que ser feliz deixou de ser importante, onde foi que perdemos a graça na diversão com pessoas como a gente e temos que fazer cena, teatro o tempo todo para agradar pessoas que, com certeza, não estão nem aí pra gente??


Ser amigo de VIP é outra coisa... mas não menos porque tem o mesmo programa e espaço na sociedade.


Mas o bom mesmo é bajular amigo, fazer ele se sentir VIP! Aí você também é VIP pra ele (Very Importante Person) porque, importante mesmo, é ser respeitado como HUMANO!



2 views0 comments

Recent Posts

See All

Copyright Absolute Rio. All rights reserved. Reproduction of the contents of this page in any medium, electronic or printed, without permission is prohibited. Site art by Joaquin Luján