Exposição "MAMELUCO"


Conhecido pela sua produção abstracionista, Araken apresenta, a partir do dia 6 de novembro, sua primeira exposição com trabalhos figurativos, passada uma década desde a sua última individual. “Mameluco” ocupa três salas no 3º andar do Centro Cultural Correios com pinturas coloridas em técnica mista de grandes formatos - algumas chegam a medir 5 metros -, esculturas e “penduráveis” (definição do artista para as instalações que pendem do teto). As telas são “povoadas” por tipos populares brasileiros, como negros, índios, caboclos e mamelucos, que dão nome à exposição, tendo como pano de fundo abstrações. Aviador, filósofo, teólogo e arquiteto, além de artista, Araken coordena um grupo de estudo do pensamento brasileiro, o que o influenciou bastante na escolha deste título, uma vez que era o termo empregado na época do Brasil Colônia para designar mestiços de índios com brancos. Ou seja, a origem de toda a miscigenação brasileira.


26 views0 comments

Copyright Absolute Rio. All rights reserved. Reproduction of the contents of this page in any medium, electronic or printed, without permission is prohibited. Site art by Joaquin Luján